avatar

FAQ – Quando é necessário cadastrar o NIS no certificado?

Publicado em 11-10-2011 por Conectividade Social ICP |

Alguns perfis que utilizam o portal do Conectividade Social ICP precisam incluir, no Certificado Digital ICP, dados essenciais para o acesso. Saiba mais sobre a necessidade de inclusão do NIS (PIS/PASEP) nesse documento e aproveite os benefícios do canal da CAIXA.

Certificado Digital com NIS

Quando o responsável pelo uso do portal não é o titular do Certificado Digital de Pessoa Jurídica, mas sim um funcionário da empresa, este precisa acessar por meio de um Certificado Digital de Pessoa Física com o NIS (PIS/PASEP) cadastrado. Essa informação indica o vínculo empregatício do funcionário com a empresa e permite que os poderes sejam outorgados.

Como proceder se o NIS não foi cadastrado no momento da aquisição?

Segundo consta no Guia de Orientações ao Usuário, na página 23, quando o usuário possui um Certificado Digital sem a informação do NIS e acessa o portal do Conectividade Social ICP “o sistema tentará localizar esta informação em outras bases do FGTS, a partir do CPF informado e constante na base de registro”. Se esse dado for encontrado, o próprio canal vai vincular o NIS do funcionário ao seu Certificado Digital e permitir o acesso em nome da empresa.

Já se o dado não for encontrado, esse usuário tem duas opções para viabilizar a outorga de procuração (informação encontrada na página 24):

- o outorgado realiza novo registro na base do Conectividade Social ICP, desta vez utilizando um certificado digital ICP que contenha o número de inscrição do PIS/PASEP;

- o outorgado solicita a uma unidade da CAIXA a atualização/retificação de seu cadastro no FGTS e PIS, inclusive solicitando inserir seu CPF no cadastro da chamada “Base PEF do FGTS”.

Vale ressaltar que “se a inscrição informada na outorga for um PIS/PASEP, o sistema buscará o registro do outorgado com base nessa informação. O sistema estará apto a encontrar o registro na base do Conectividade Social ICP se o registro do outorgado foi feito com um Certificado Digital em que constava seu PIS/PASEP. Caso contrário, o registro não será encontrado e o sistema sugerirá ao outorgante que tente realizar a outorga informando outro tipo de inscrição para o outorgado, devendo ser informado então o CPF. Ao ser informado o CPF, o comportamento do sistema será o descrito acima”.

Fonte: Guia de Orientações ao Usuário

 

Saiba mais sobre NIS (PIS/PASEP) e CEI e qual a sua importância no Conectividade Social ICP.


 

66 Comentários para FAQ – Quando é necessário cadastrar o NIS no certificado?

  1. EDSON NUERNBERG disse:

    bom dia!
    está chegando a hora de podermos só enviar arquivos pelo ICP e não consigo enviar, toda vez que vou anexar arquivos sefip vem a mensagem: só é permito envio de arquivos cujo responsável seja uma inscrição CNPJ ou CEI (CNS – AO367) mas tenho um escritório de contabilidade e os certificados dos clientes são e-CNPJ, o que acontece então?

    grato..Att Edson

    • Conectividade Social ICP disse:

      Edson Nuernberg,

      Estamos levantando as informações e em breve entramos em contato.

      Obrigado!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Edson Nuernberg,

      Para a transmissão de arquivos via Conectividade Social ICP, assim como para a utilização das demais funcionalidades do canal em nome de outra empresa, é necessário que a empresa/cliente outorgue uma procuração eletrônica à contabilidade, autorizando-a a transacionar no canal em seu nome. Concedida essa autorização, a contabilidade irá acessar o Conectividade Social ICP com o seu próprio Certificado Digital, mas estará apta a utilizá-lo em nome da empresa que lhe outorgou a procuração. Para maiores informações em relação à Procuração Eletrônica, sugerimos a leitura do Guia de Orientações ao Usuário, disponível no endereço: http://www.conectividadeicp.org/caixa-disponibiliza-nova-versao-do-guia-de-orientacoes-ao-usuario/

      Em relação ao envio de arquivo SEFIP, a regra vigente para sua transmissão exige que o campo CNPJ/CEI do cadastro do responsável no SEFIP seja igual ao CNPJ/CEI do Certificado Digital utilizado para acesso ao Conectividade Social no momento da transmissão.
      Todavia, quando o cadastro do responsável no SEFIP for diferente do CNPJ/CEI do Certificado Digital, caso o arquivo contenha apenas informações de uma única inscrição, que deverá ser a mesma do Certificado Digital, o arquivo poderá ser transmitido normalmente.
      Adotadas as orientações acima, caso o erro persista, entrar em contato com os canais de atendimento tecnológico da CAIXA, por meio do site http://www.caixa.gov.br ou pelo telefone 0800 726 0104, para mais orientações.

      Obrigado!

  2. Valdir disse:

    Como faz para visualizar o arquivo com extensão .rml clico em receber, até consigo salvar o arquivo, mas não consigo visualizá-lo.

    Na Caixa de Entrada – Serviços – RML

    • Conectividade Social ICP disse:

      Valdir,

      A resposta para sua dúvida consta na seção 2.6 VISUALIZADOR DE RELATÓRIOS, do Guia de Orientações ao Usuário:

      “Para visualização das informações constantes dos relatórios solicitados, é necessário salvá-los em seu computador (ou outra mídia), importá-los para o Visualizador de Relatórios e então abri-los com uso deste aplicativo. [...]

      Na página Selecionar Relatório, clicar no botão Incluir e, em seguida, na caixa de diálogo exibida selecionar o arquivo que deseja importar. Em seguida, clicar no botão Abrir . Desta forma, os arquivos selecionados são importados para o Visualizador de Relatórios. Agora basta selecionar o arquivo desejado, dentre os importados, e clicar no botão Visualizar.”

      Obrigado!

  3. Ruy Hudson Santiago de freitas disse:

    O governo concedeu isenção as empresas do simples nacional par uso do certificado digital até 10 empregados.

    Como ficará a transmissão dos dados da SEFIP e GRRF destas empresas?

    • Conectividade Social ICP disse:

      Ruy Hudson Santiago de Freitas,

      A área gestora do Fundo de Garantia da CAIXA possui ciência da publicação da Lei Complementar 139/2011 e da Resolução nº. 94, emitida pelo Comitê Gestor do Simples Nacional, cujos reflexos estão sob análise. Não obstante as publicações citadas, até a presente data, permanece o uso da Certificação Digital para todos os entes que se relacionam com o FGTS e Previdência Social por meio do canal Conectividade Social, nos termos da Circular CAIXA 547/2011, disponível no link: http://www.conectividadeicp.org/conectividade-social-circular-da-caixa-54711/.

      Obrigado!

  4. Fernando César de Souza Murta disse:

    Queria saber qual a base legal, ou seja, qual a lei federal que obriga o empregador a adquirir esse certificado?
    Como faço para transmitir os dados sem necessitar desse certificado, visto que para pequenas empresas, com apenas um empregado, a aquisição desse certificado torna-se extremamente oneroso.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Fernando César de Souza Murta,

      Conforme Circular CAIXA 547 e 548 de 20 de Abril de 2011, publicada no Diário Oficial da União em 20 de Abril de 2011, “A Caixa Econômica Federal, na qualidade de Agente Operador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo artigo 7º, inciso II, da Lei 8.036/90, de 11/05/1990, e de acordo com o Regulamento Consolidado do FGTS, aprovado pelo Decreto nº 99.684/90, de 08/11/1990, alterado pelo Decreto nº 1.522/95, de 13/06/1995, em consonância com a Lei nº 9.012/95, de 11/03/1995, baixa a presente Circular”.
      Tal documento “institui a certificação digital emitida no modelo ICP-Brasil, por qualquer das Autoridades Certificadoras e suas respectivas Autoridades de Registro, regularmente credenciadas pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação – ITI, como forma exclusiva de acesso ao canal eletrônico de relacionamento Conectividade Social”.

      Em virtude do exposto, ressaltamos que o uso da Certificação Digital no padrão ICP-Brasil alcança a todos aqueles que se relacionam com o FGTS e/ou Previdência Social por meio do Conectividade Social ICP.

      Obrigado!

  5. tatiana disse:

    Gfip sem movimento, em 2012 não precisará declarar?
    Trabalho com entidades sem fins lucrativos, e declaro todo mês o gfip sem movimento, e quero saber se necessito continuar declarando.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Tatiana,

      As regras vigentes para a comunicação com o FGTS e/ou Previdência Social permanecem as mesmas com o Conectividade Social, em sua versão ICP.

      Obrigado!

  6. Simone Passos disse:

    Bom dia, eu quero saber se uma pessoa fisica que tem varios C.E.I, lavoura e obras, deve ter 1 certificado para cada CEI, ou posso vincular todos no Cpf? e os que são donos de empresas e tem CEI, posso vincular o CEI rural e domeestica no Cpf?

    • Conectividade Social ICP disse:

      Simone Passos,

      Não é possível vincular mais de uma matrícula CEI no Certificado Digital, por isso será necessário o uso de 1 Certificado Digital de Pessoa Física para cada CEI do titular. Já para o acesso da empresa, se ela foi inscrita no CNPJ, o acesso será feito por meio de um Certificado Digital de Pessoa Jurídica.

      Obrigado!

  7. EDSON NUERNBERG disse:

    bom dia!
    chegando a hora e não consigo enviar os arquivos sefip para o ICP, quando tento enviar vem a mensagem “só é permitido envio de arquivo cujo responsável seja uma inscrição CNPJ ou CEI (CNS-AO367) tenho um escritório de contabilidade e meus certificados são e-cnpj

    grato…Att Edson

    • Conectividade Social ICP disse:

      Edson Nuernberg,

      Como sua dúvida se trata de um erro específico, indicamos que você entre em contato com os canais de atendimento tecnológico da CAIXA, por meio do site http://www.caixa.gov.br ou pelo telefone 0800 726 0104, para mais orientações.

      Obrigado!

  8. Katia Carvalho disse:

    Uma empresa com 35 filiais que recolhe o fgts dentro de cada filial deverá ser feito certificado para cada filial? ou o da matriz servirá para todas?
    Em contato com o 0800 da Caixa Econômica foi nos informado que mesmo para transmissão de arquivo o certificado da Matriz serve, não sendo necessario adquirir certificado para cada filial. Essa informação procede?

  9. Jeane Maria de Souza Lima disse:

    Bom dia,

    Gostaria de saber por gentileza se uma empresa optante do Simples Nacional, que encontra-se INATIVA, não tem funcionários, deve também adquirir um certificado para enviar uma GFIP sem movimento? Ou essa empresa pode obter a Procuração Eletrônica para transmissão da GFIP, através de um contabilista que faça uso do certificado?

    Muito grata,

    Jeane Maria

    • Conectividade Social ICP disse:

      Jeane Maria de Souza Lima,

      A área gestora do Fundo de Garantia da CAIXA possui ciência da publicação da Lei Complementar 139/2011 e da Resolução nº. 94, emitida pelo Comitê Gestor do Simples Nacional, cujos reflexos estão sob análise. Não obstante as publicações citadas, até a presente data, permanece o uso da Certificação Digital para todos os entes que se relacionam com o FGTS e Previdência Social por meio do canal Conectividade Social, nos termos da Circular CAIXA 547/2011, disponível no link: http://www.conectividadeicp.org/conectividade-social-circular-da-caixa-54711/.

      Obrigado!

  10. Sônia disse:

    Bom dia, trabalho em uma autarquia federal que possui 12 campi, sendo o cnpj da reitoria o matriz e os demais filiais, assim, para a utilização do sistema conectividade social icp pelas filiais, realizamos a outorga da procuração eletrônica do certificado do cnpj da matriz para os certificados dos servidores lotados nas filias, entretanto, quando da tentativa de envio do arquivo pelos servidores o sistema do conectividade social icp está indicando a seguinte mensagem “INSCRIÇÃO (CNPJ/CEI/CPF) do responsável no arquivo difere da INSCRIÇÃO do certificado eletrônico. (CNS-A0363). Pergunto:qual deve ser o procedimento adotado para correção?
    Obrigada!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Sônia,

      Informamos que, se o envio do arquivo está sendo feito com um Certificado Digital de Pessoa Jurídica, a inscrição constante no certificado deve ser correspondente à inscrição constante no campo “Responsável” do arquivo. Por outro lado, caso o envio do arquivo esteja sendo feito com um Certificado Digital de Pessoa Física, a inscrição do empregador do usuário deve ser a mesma inscrição constante no campo “Responsável” do arquivo.

      Obrigado!

  11. AGM CONTABILIDADE disse:

    Conforme resolução 94 do Comitê Gestor do Simples Nacional, publicada no DOU de 1º-12-2011, a Caixa Econômica Federal, irá acatar tal resolução no que tange a dispensa do certificado para ME ou EPP quando o numero de funcionários foi inferior a 11 ou aceitar outorga de procuração não eletrônica?

    • Conectividade Social ICP disse:

      AGM Contabilidade,

      A área gestora do Fundo de Garantia da CAIXA possui ciência da publicação da Lei Complementar 139/2011 e da Resolução nº. 94, emitida pelo Comitê Gestor do Simples Nacional, cujos reflexos estão sob análise. Não obstante as publicações citadas, até a presente data, permanece o uso da Certificação Digital para todos os entes que se relacionam com o FGTS e Previdência Social por meio do canal Conectividade Social, nos termos da Circular CAIXA 547/2011, disponível no link: http://www.conectividadeicp.org/conectividade-social-circular-da-caixa-54711/

      Obrigado!

  12. Juliana Mendes disse:

    Como fica a entrega do conectividade a partir da resolução 94/2011 da Receita Federal que dispensa as empresas do Simples Nacional e do MEI de possuírem certificado, exceto para as que possuam mais de 10 empregados? Como fazer a procuração não eletrônica que trata tal resolução? Precisamos de uma resposta rá´pida diante da iminência do final do ano.
    Grata.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Juliana Mendes,

      A área gestora do Fundo de Garantia da CAIXA possui ciência da publicação da Lei Complementar 139/2011 e da Resolução nº. 94, emitida pelo Comitê Gestor do Simples Nacional, cujos reflexos estão sob análise. Não obstante as publicações citadas, até a presente data, permanece o uso da Certificação Digital para todos os entes que se relacionam com o FGTS e Previdência Social por meio do canal Conectividade Social, nos termos da Circular CAIXA 547/2011, disponível no link: http://www.conectividadeicp.org/conectividade-social-circular-da-caixa-54711/

      Obrigado!

  13. Hugo Costa Melo disse:

    Não estou conseguindo acessar o portal Conectividade ICP com os novo certificados digitais padrão ICP v2 (emitidos a partir de 01/01/2012). O portal necessita de alguma adequação ou o problema pode estar no meu navegador?

    • Conectividade Social ICP disse:

      Hugo Costa Melo,

      Informamos que o canal Conectividade Social ICP foi desenvolvido para utilização, sobretudo, no navegador Internet Explorer, devido à política interna da CAIXA, o que confere maior compatibilidade do canal com o respectivo navegador em relação aos demais.

      Com relação a nova cadeia dos certificados, estamos levantando as informações e em breve entramos em contato.

      Obrigado!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Hugo Costa Melo,

      Esclarecemos que o canal Conectividade Social permite o acesso por meio de qualquer Certificado Digital no padrão ICP-Brasil. Neste caso, em virtude do cadastramento de informações prestadas pelas demais Autoridades Certificadoras nas aplicações internas da CAIXA, o acesso por meio desse tipo de certificado está em processo final de ajuste.

      Orientamos que seja realizada nova tentativa de acesso e, caso apresente alguma instabilidade no decorrer dos próximos dias, entrar em contato com os canais de atendimento tecnológico da CAIXA, por meio do site http://www.caixa.gov.br ou pelo telefone 0800 726 0104.

      Obrigado!

  14. clovis leite disse:

    sou tecnico e em dezembro de 2010 comprei um certificado e-cpf A3 devido a validade e contendo todas as funcionalidades sem exigencia de cei(autonomo)e regras estas nao definidas
    faço Gfip sem movimento(negativa) de PJ’s, gostaria de saber se perdi o meu dinheiro, tenho de comprar outro para incluir o CEI ou realmente a CAIXA ou CERTIFICADORA tem mesmo como incluir em certificados emitidos anteriormente ao programa ICP a inscrição do CEI. Por favor me ajudem, pois tenho de fazer urgentemente algumas gfip’s s/mov.
    NOTA: O mesmo solicitei ao ICP e continuo no aguardo.

    Agradeço antecipadamente a atenção,
    Atenciosamente,
    Clovis Leite

  15. Sandra disse:

    Olá.
    Nosso condomínio (residencial) tem encontrado problemas para conseguir a certificação digital, pois a convenção é antiga, e apresenta erros como ausência do nome do condomínio e numeração incorreta (acredito que a numeração da rua tenha sido alterada nos últimos 50 anos). É necessário alterar a convenção com tanta pressa (correndo o risco de um trabalho mal feito) ou uma ata de assembléia na qual conste a intenção de fazê-lo poderia servir? É exigência da Caixa que estas alterações sejam feitas ou é o advogado que pode estar querendo que isso seja feito?

    • Conectividade Social ICP disse:

      Sandra,

      Estamos levantando as informações e em breve entramos em contato.

      Obrigado!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Sandra,

      Esclarecemos que os padrões e regras para a obtenção do Certificado Digital ICP são definidos pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI). Desta forma, de acordo com o ITI, na ausência da convenção registrada nos Cartórios de Registro de Imóveis, o condomínio deverá apresentar uma certidão de individuação do imóvel e uma certidão de ônus reais de um dos participantes da assembléia que elegeu o síndico. A ata da assembléia que elegeu o síndico, com registro em cartório, a inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) e os documentos do síndico deverão ser apresentados em ambos os casos. Para maiores informações, sugerimos a leitura do artigo Desafios para a Certificação Digital de Condomínios.

      Obrigado!

  16. FABIANA disse:

    A EMPRESA ABRIU UMA FILIAL, AINDA NÃO ESTAMOS MOVIMENTANDO. PORÉM PRECISO DA CND E A RECEITA COBRA A GFIP SEM MOVIMENTO DA FILIAL. SERÁ NECESSARIO UM CERTIFICADO ELETRONICO PARA A FILIAL? POSSO TRANSMITIR PELA DA MATRIZ? COMO FAZER?

  17. Jackeline Gonçalves disse:

    Tenho diversas empresas que não tem funcionários apenas os sócios pagam o INSS, porem tenho que informar o no SEFIP, estas empresas também estão obrigadas a ter o e-CNPJ?

    • Conectividade Social ICP disse:

      Jackeline Gonçalves,

      O uso da Certificação Digital no padrão ICP-Brasil alcança a todos (empresas, escritórios contábeis, autônomos, entre outros) que se relacionam com o FGTS e/ou a Previdência Social. A partir de 30/06/2012, as transmissões de arquivo por meio do Conectividade Social deverão ser realizadas utilizando a Certificação Digital no padrão ICP Brasil, inclusive para aquelas empresas que só se relacionam com a Previdência Social ou com declaração de “ausência de fato gerador”.

      Obrigado!

  18. Carlos Kleber disse:

    Ola bom dia !

    Temos varias filiais no grupo, adquirimos um certificado digital A3 da loja Matriz, pergunto: além do uso para o conectivade social tem tbm pra emissão de nota fiscal eletronica e outros fins, uma filial que faz esse serviço dentro da sua propria filial, não tem como obter uma copia do certificado da matriz pra que essa filial possa acesar o conetv. social e emitir NFe com o CNPJ da filial.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Carlos Kleber,

      Sobre o uso dos certificados, as Autoridades Certificadoras não indicam que outras pessoas, além do titular, tenham acesso ao Certificado Digital, isso prejudica a segurança dos procedimentos feitos com esse documento, uma vez que mais pessoas possuem aquela senha e qualquer ação feita por meio daquele documento será reconhecida judicialmente como uma ação do titular. Por isso, o ideal é que cada empresa, ou nesse caso unidade, fique em poder do seu Certificado Digital ICP-Brasil.

      Com relação ao acesso no Conectividade Social ICP, a matriz pode recolher o FGTS de todos os funcionários registrados sob seu CNPJ raiz.

      Já sobre a emissão de NF-e, o ideal é que a empresa entre em contato com a Autoridade Certificadora que emitiu esse documento e verifique essa possibilidade.

      Obrigado!

  19. Carliane Rodrigues disse:

    Boa tarde;
    Gostaria de saber se empresas que são regida pelo regime de tributação do simples são obrigadas a optar pela conectividade social ICP,e qual o prazo para esta normatização?
    outra duvida e se pessoa fisica que tem o CEI e obrigado a optar pela conectividades social ICP.
    Agradeço desde já.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Carliane Rodrigues,

      Para acesso ao Conectividade Social Padrão ICP é necessário que a empresa possua a Certificação Digital ICP-Brasil emitida por qualquer Autoridade Certificadora, independentemente do porte da empresa, opção pelo simples e quantitativo de empregados vinculados.

      Conforme item 1.2 da Circular CAIXA 566 para o estabelecimento de microempresa ou empresa de pequeno porte optante pelo Simples Nacional com até 10 (dez) empregados, o uso da certificação no modelo ICP-Brasil é facultativo nas operações relativas ao recolhimento do FGTS, ou seja, a transmissão do arquivo SEFIP/GRRF poderá ser efetuada por certificado idêntico ao informado no campo “Responsável” do arquivo a ser transmitido. Já para acessar aos serviços do Empregador (informações de afastamento de trabalhador/rescisão de contrato de trabalho, retificações, IS, outorga de procurações), é necessário, para todas as empresas, o uso do Certificado Digital ICP.

      Obrigado!

  20. Samara disse:

    Posso transmitir a SEFIP de uma empresa sem movimento atraves da conectividade de outra empresa? é do mesmo dono, mas a que esta sem movimento é uma obra e a outra funciona normalmente.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Samara,

      Estamos levantando as informações e em breve entramos em contato.

      Obrigado!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Samara,

      Conforme Circular CAIXA 566, não será necessária a utilização da Certificação Digital ICP-Brasil para a transmissão da GFIP na hipótese de ausência de fato gerador – sem movimento, para as empresas inativas, com menos de 12 meses, que visem, exclusivamente, realizar a baixa do respectivo CNPJ. Neste caso, a transmissão do arquivo poderá ser efetuada por um outro certificado desde que a inscrição (CNPJ/CEI) do cadastro do responsável no SEFIP seja igual àquela contida no Certificado Digital utilizado para acesso ao canal.

      Obrigado!

  21. Suelem Brito disse:

    Obrigada, estou aguardando, muitissimo obrigada mesmo.

  22. Suelem Brito disse:

    Ok. Obrigada por sua atenção!

  23. MARCUS VINCIUS disse:

    TENHO UM CERTIFICADO DIGITAL NF-E NO MEU PC NA QUAL USO PARA EMITIR NOTAS FISCAIS DA MATRIZ E TBEM NO PC DO MEU COMPANHEIRO DE SALA ELE TEM UM CERTIFICADO DIGITAL E-CNPJ PARA TRASMISSÃO DE FGTS, AGORA FOI MONTADA UMA FILIAL DA EMPRESA E PRECISA EMITIR NOTAS FISCAIS E O CONTADOR ME DISSE QUE EU PRECISO ADIQUIRIR OUTRO CERTIFICADO DIGITAL, MAS EU PERGUNTEI A ELE SE PODERIA USAR ESSE CERTIFICADO E-NF LA NA FILIAL E USAR O OUTRO CERTIFICADO DO MEU PARCEIRO DE SALA QUE É O CERTIFICADO E-CNPJ PRA MIM PODER EMITIR NOTAS FISCAIS DA MATRIZ E ELE DISSE QUE NÃO PODE, MAS ANDEI PESQUISANDO NA INTERNET E VI QUE EU POSSO USAR O CERTIFICADO DA MATRIZ PARA A FILIAL, MAS NINGUEM SABE COMO PROCEDER, COMO É O USO, A INSTALAÇÃO. TA DIFICIL EIN. ALGUEM SE SOUBER ALGO ME AJUDEM POR FAVOR. OBRIGADO

    • Conectividade Social ICP disse:

      Marcus Vinicius,

      Estamos levantando as informações e em breve entramos em contato.

      Obrigado!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Marcus Vinicius,

      Informamos que, para a Certificação Digital de Pessoa Jurídica no padrão ICP-Brasil, utilizada para acesso ao canal Conectividade Social ICP, o seu componente principal é o CNPJ BÁSICO do empregador, ou seja, as oito primeiras posições que compõem o CNPJ da empresa. Todas as empresas ou filiais que apresentarem o mesmo CNPJ BÁSICO, poderão ser visualizadas ou operacionalizar pelo canal Conectividade Social, através do Certificado Digital da Matriz, ou ainda, cada CNPJ poderá ter o seu certificado de pessoa jurídica, mas todos visualizarão as demais filiais, pois possuem o mesmo CNPJ BÁSICO.

      Em relação à emissão de Nota Fiscal Eletrônica, por não estar vinculada às regras de acesso e utilização do canal Conectividade Social ICP, deverá ser efetuado contato com o órgão responsável, para maiores orientações.

      Obrigado!

  24. Siomaria Ferreira, disse:

    No condomínio onde os funcionários são tercializados há necessidade de fazer o certificado digital? E se no futuro os mesmo vierem ser próprios o condomínio poderar fazer o certificado digital?

    Obrigada!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Siomaria Ferreira,

      Se o condomínio não presta informações para a CAIXA nem para a Receita Federal, não existe a necessidade de uso do Conectividade Social ICP, não sendo necessária a aquisição do certificado. Caso contrário, o acesso será feito apenas mediante esse documento.

      Vale lembrar que, além da necessidade de uso em alguns sites e aplicações, o Certificado Digital é sinônimo de modernização e traz inúmeros benefícios para seu titular, como o acesso ao e-CAC da Receita Federal, a emissão de notas fiscais eletrônicas, entrega de declarações e imposto de renda, assinatura de contratos digitais e muito mais.

      Obrigado!

  25. Letícia Pinheiro disse:

    Olá, estou precisando de ajuda preenchi minha CEI errada e ela ja foi gerada, queria saber se teria como editar ela? Ou Então exclui-la e fazer outra…. Estou desesperada me ajude.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Letícia Pinheiro,

      O cadastramento do CEI é feito pelo INSS, e dúvidas referentes ao preenchimento deverão ser direcionadas ao referido órgão.

      Já se seu questionamento se refere ao preenchimento do Certificado Digital, nossa orientação é que você entre em contato com a Autoridade Certificadora responsável pela emissão do seu documento.

      Obrigado!

  26. Cássia Lima disse:

    Aguardarei o retorno. Obrigada.

  27. Suhelen disse:

    Tenho certificado digital e-cpf, não cadastrei o cei e não consigo entrar no site da conectividade social? Será esse o problema na pagina de erro?
    Preciso passar a SEFIP de uma empresa CNPJ?

    • Conectividade Social ICP disse:

      Suhelen,

      Para acessar o Conectividade Social ICP, basta entrar no portal com o seu Certificado Digital instalado/conectado na máquina.

      Se você atua como autônoma, será necessário um Certificado Digital de Pessoa Física com os dados do seu CEI. Já se for acessar em nome de sua empresa, ela precisa ter um Certificado Digital de Pessoa Jurídica, acessar o portal, se registrar e depois outorgar os poderes de uso para você, que irá acessar por meio de um Certificado Digital de Pessoa Física com os dados do seu NIS (PIS/PASEP).

      Obrigado!

  28. Felipe Barbosa Rodrigues disse:

    Boa Noite!

    Gostaria de uma informação tecnica. Na empresa onde trabalho, por padrão as máquinas não tem acesso a privilégios de administrador, logo quando solicitado a instalação de um software é feita por uma equipe de atendentes. Porém os usuários do “Conectividade” estão alegando que mesmo com todos os softwares necessários instalados e o acesso ao portal liberado, o processo não funciona pois pede permissões de administrador. Existe alguma maneira de faze-los funcionar sem expor o equipamento a esta condição?

    Abraços.

    • Conectividade Social ICP disse:

      Felipe Barbosa Rodrigues,

      Estamos levantando as informações e em breve entramos em contato.

      Obrigado!

    • Conectividade Social ICP disse:

      Felipe Barbosa Rodrigues,

      Neste caso, entrar em contato com os canais de atendimento tecnológico da CAIXA, por meio do site ou pelo telefone 0800 726 0104, para um suporte operacional.

      Obrigado!

  29. jusciene oliveira disse:

    primeiro que tudo uma boa tarde para voces eu vou reseber o seguro desemprego tm com eu saber se ja estar desponivel eu tero com o bolsa familha o que eu faso

  30. Sheila disse:

    No aguardo. Obrigada!

  31. Antonia Richileny disse:

    Ola boa tarde…

    Gostaria de saber também até quando é o praso para adquirir o certificado digital para empresa?
    e ate quando eu vou poder usar o disquete?

    Att Richileny desde ja agradece.

  32. ALAÉCIO WALTER disse:

    O microeemprededor, que admite um funcionário, para demitir este funcionário, esse MEI, precisa ter um certificado digital, para o recolhimento da multa rescisória?

    • Conectividade Social ICP disse:

      Alaécio Walter,

      Conforme Resolução nº. 94, que, dentre outros dispositivos, estabelece a não obrigatoriedade no uso do Certificado Digital ICP para as operações relativas ao recolhimento do FGTS, ao MEI, ME ou EPP, com até 10 empregados, OPTANTE pelo Simples Nacional, a CAIXA avaliou alternativas para atender às necessidades específicas dessas empresas e empregadores.

      Além da Certificação Digital no Padrão ICP-Brasil, utilizada para acesso ao canal Conectividade Social ICP, desenvolvido em plataforma web única, que não requer instalação ou atualização de versões e apresenta, em melhor grau, garantia de não-repúdio, integridade, autenticidade, validade jurídica e comodidade fica disponibilizada, somente para o MEI, ME e EPP, com até 10 empregados, OPTANTE pelo Simples, a emissão e utilização de Certificados Digitais no padrão proprietário CAIXA – AR, que confere o acesso ao Conectividade Social AR. Para maiores orientações quanto à respectiva emissão, entrar em contato com qualquer agência da CAIXA.

      Obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Ao comentar, declaro estar ciente dos termos de uso e conduta.